Aberto: Segunda a Sexta - 07:00 às 21:00 e aos Sábados - 09:00 às 13:00
Telefone: 11 2503-9616
BLOG

ACOMPANHE AS POSTAGENS

Emagrecer em casa é possível

Por : em : 21 de junho de 2017 comentários : (0)

Um dos maiores vilões para quem busca atingir a boa forma é a falta de tempo para frequentar parques e academias. No entanto, especialistas alegam que apenas 20 minutos de exercícios por dia é suficiente para trazer diferenças notáveis ao corpo e a saúde do praticante.

Pensando nisso, nós separamos uma série de exercícios que podem ser feitos na comodidade da sua casa, assim você poupa tempo e dinheiro, e ainda fica mais perto do seu objetivo. Vale lembrar que a alimentação é um denominador fundamental para que os resultados apareçam, portanto, mantenha uma rotina saudável para que tudo dê certo.

1 – Pular Corda (Aeróbico)

Pular corda é um dos melhores exercícios aeróbicos que existem, e embora seja um tanto quanto subestimado, é capaz de trazer resultados incríveis para o corpo em um período relativamente curto de tempo. Este exercício recruta vários grupos musculares ao mesmo tempo e fortalece os membros inferiores, como a panturrilha e a coxa. Além disso, é excelente para queimar calorias.

2 – Prancha no Solo (Costas, Abdômen, Lombar e Tronco)

Este simples exercício é também muito praticado nas academias, tendo em vista sua efetividade. É considerado um exercício isométrico, para a musculatura do tronco, parecido com a flexão. Mas existe diferença: O posicionamento dos braços no chão e a contração da musculatura abdominal em vários pontos. Para executá-lo é preciso posicionar o quadril, o tronco e as pernas fora do chão. Em seguida, mantenha o rosto voltado para o chão e as pontas dos pés e o antebraço em contato com o solo. É preciso manter a respiração normalizada e o alinhamento da coluna. De início, faça 3 séries de 30 segundos, com um intervalo curto de 1 minuto entre elas.

3 – Flexão de Braços (Peitoral, Braços e Ombros)

A já conhecida flexão de braços é uma importante atividade para praticar em qualquer ocasião e local. Além de sua execução ser simples, ela contribui para o aprimoramento de boa parte dos músculos superiores de uma só vez. Para executar da maneira correta e otimizar os ganhos é preciso que os braços estejam alinhados com o peitoral e abertos em uma posição que façam os cotovelos dobrarem em até 90 graus. O movimento deve ser controlado, mantendo o tronco firme e sem deixar o quadril cair. Deve-se chegar o peitoral a até 2 dedos do chão. Iniciantes podem começar esta sessão de exercícios com 3 séries de 10 movimentos em um intervalo de 2 minutos a cada série.

4 – Agachamento (Glúteos e Coxa)

Este exercício é simples e muito funcional para os músculos inferiores. Para executá-lo com perfeição basta flexionar os joelhos e jogar os braços para frente para manter o equilíbrio. Durante a flexão dos joelhos é importante manter a coluna ereta e realizar a descida até que suas pernas atinjam um ângulo de 45 graus. A intensidade da atividade fica a critério do praticante, podendo inclusive adicionar pesos nas execuções. Comece com 20 movimentos em 3 séries, com intervalo de 2 minutos em cada uma delas.

Deixe uma resposta